Aqui você está sempre bem nutrido de informações

12.12

Pesquisa da USP indica que pele de amendoim pode ajudar a prevenir diabetes e obesidade

Estudo desenvolvido em Piracicaba apontou compostos naturais do subproduto da indústria que inibem enzimas ligadas à absorção de açúcares e gorduras, segundo pesquisador.

ma pesquisa desenvolvida na Universidade de São Paulo (USP), em Piracicaba (SP), indica que a pele do amendoim pode auxiliar na prevenção da obesidade e até da diabetes. O estudo do cientista de alimentos Adriano Costa de Camargo apontou compostos naturais desse subproduto da indústria que inibem enzimas ligadas à absorção de carboidratos e também de gordura.

Segundo o pesquisador, os benefícios estão ligados a propriedades antioxidantes da pele do amendoim e também à ação dos chamados "compostos bioativos" que diminuem a absorção das moléculas de açúcar e de gorduras, que estão relacionadas ao diabetes e à obesidade.

Camargo afirma que, para serem absorvidos pelo organismo, os carboidratos (açúcares) e lipídeos (gorduras) precisam ser "quebrados" em moléculas menores. "Essa quebra ocorre a partir da ação de enzimas, que podemos comparar a tesourinhas. Os compostos presentes na pele do amendoim se ligam a essas enzimas e é como se impedissem completamente ou parcialmente essas tesourinhas de cortar ou quebrar os açúcares e as gorduras", disse.

A menor absorção de açúcares e gorduras "pode ser benéfica para o gerenciamento e prevenção do diabetes e da obesidade, respectivamente", afirmou Adriano.

  • PRODUTOS
  • INSTITUCIONAL
  • NOTÍCIAS
  • CONTATO
  • MATRIZ

    Rod. Brigadeiro Faria Lima

    KM 350

    Caixa Postal 41

    CEP 14877-000

  • FILIAL

    Rua Antônio Guerreiro, 50

    Distrito Industrial Bruno Veradeiro

    CEP 14876-270

© Sementes Esperança. Todos os direitos reservados. 2017
Desenvolvido por